Coluna Boa Terra (Por Valdemir Santana) - Edição do dia 9/11

Varejo elegante festeja Natal com ideal de filantropia


Tribuna da Bahia, Salvador
09/11/2017 16:25 | Atualizado há 12 dias, 8 horas e 13 minutos

   
Foto: Divulgação

O varejo elegante de Salvador também adota o ideal da filantropia e engajamento social que faz sucesso no mercado de luxo da Europa e dos Estados Unidos. Neste domingo, dia 12, a equipe do “Shopping Bela Vista” faz bonito com este conceito.  E recebe a administradora Maria Rita Lopes Pontes para a festa de inauguração da decoração do Natal. Ela é conhecida internacionalmente como a “Superintendente das Obras Sociais de Irmã Dulce”.

O trabalho da “OSID” foi criado pela beata Irmã Dulce, a tia de Mria Rita, que morreu em 1992. Agora, com a parceria do shopping que começou no ano passado, o reforço é enorme. Inclui o lançamento de um panetone especial para a temporada de festas, com chocolate, cobertura glaceada e flocos de amêndoas na decoração. No ano passado a parceria rendeu R$ 160 mil. Quanto ao comportamento do mercado de luxo internacional nas parcerias filantrópicas vale citar a marca “Louis Vuitton” que leiloa jóias em noite de gala para a ONG “AmFar”, ou a “Montblanc” que já vendeu a caneta “Meisterstück 149" com renda para a “Unicef”.

Historias do “Bahia” para a elite carioca

Mais um tento de glória para o “Esporte Clube da Bahia”. Desta vez no cenário Cult do Rio de Janeiro e, de quebra, no elegante mundo da diplomacia. Foi com o lançamento do livro “A História definitiva” do diplomata mineiro Pablo Duarte Cardoso, anteontem, na “Livraria da Travessa”, de Ipanema. Ele analisa a disputa da Classe A, de 1987, o que chama de mais controverso Campeonato Brasileiro de todos os tempos. E no meio do livro conta poucas e boas sobre o futebol baiano. Cobre de glória o perfil do dirigente de Antonio Pithon, então presidente da Federação Baiana de Futebol. Chamado de personagem muito influente no cenário nacional. Fala dos bastidores do “Bahia”, único time nordestino campeão do país. Detalhe inusitado é a benção das chuteiras de Raimundo Nonato Tavares da Silva, conhecido como  o jogador Bobô. Teria sido no mais famoso terreiro de candomblé do país.

Pós tropicalista chique agita elegância do “Fasano”

Carioca de nascimento, o tecladista e compositor Maurício Magalhães de Carvalho ganhou fama internacional a partir do trabalho em Salvador, como o irreverente Mú Carvalho, da banda “A Cor do Som”. Foi a referencia para o pop tropicalismo que mudou o cenário nacional. Mu Carvalho continua em alta no Rio de Janeiro, festejado no elegante grand monde como atração do icônico “Baretto Londra” o bar do “Hotel Fasano” Ipanema. A temporada que se repete este mês é com o grande parceiro, o fluminense Cecelo Frony, sucesso no Brasil e na Europa, também desde os anos 1970.

Narcisa convida para bodas em Itacaré 

Começa amanhã o final de semana baiano que deve ficar na história para o high society brasileiro. Pelo menos é o que sugere o “Save the Weekend” recebido pelo grand monde para reforçar o convite da festa de casamento de Catharina Tamborindeguy Johaanpeter Gerdau com o executivo Luis Pereira da Silva. O destaque é que a festa, no resort “Txai” de Itacaré, dura três dias, segundo avisa a mãe da noiva, a socialite Narcisa Saldanha Tamborindeguy. Boa Terra divulgou com exclusividade a cerimônia religiosa da celebração das bodas, que aconteceu na sexta feira, dia 28, Rio de Janeiro. Com direito à foto do reencontro entre Narcisa e o ex-marido, magnata Caco Johannpeter Gerdau, pai da noiva. 

Contagem regressiva e pressa no “Mozarteum”

A contagem regressiva para jovens músicos de várias partes do Brasil, e até de muitos países da América do Sul, saber se passou no teste para integrar a fabulosa “Orquestra Acadêmica Mozarteum Brasileiro” começa hoje, dia 9. A orquestra criada pela ONG “Mozarteum Brasileiro” estreou na Bahia no verão passado como atração da sexta edição do “Musica em Trancoso”, com começou em 18 de março, no singular “Teatro L’Occitane”. Falar de sucesso internacional é pouco. As inscrições para a nova formação da orquestra foram encerradas dia 31 de setembro. E deixaram os organizadores com as mãos na cabeça. Deveria sair o resultado na semana passada, Agora está stand by. E a preocupação é que os selecionados começam a ensaiar em fevereiro, com todos os documentos em dia, incluindo o indispensável passaporte.


Compartilhe       

 


TRIBUNA VIRTUAL



 

Notícias Relacionadas