Marinúbia brada e gera comoção em meio ao tribunal: "vergonha, vergonha!"

A mãe dos jovens subiu na cadeira e em meio ao tribunal revoltada com o resultado da sentença


Tribuna da Bahia, Salvador
07/12/2017 07:48 | Atualizado há 6 dias, 2 horas e 28 minutos

   
Foto: Reprodução

A mãe dos jovens Emanuel e Emanuelle, Marinúbia Gomes subiu na cadeira e em meio ao tribunal na noite de ontem (6) e gritou: vergonha, vergonha. A atitude foi tomada após a sentença que absolveu a médica Kátia Vargas da acusação de matar os irmãos.

Uma tia dos jovens também revoltou-se e gritou para a imprensa que ia matar a médica: "Eu vou matar Kátia Vargas, essa infeliz".

A médica tinha sido acusada pelo Ministério Público de duplo homicídio qualificado dos irmãos Emanuel e Emanuelle em 2013, com três qualificadores: motivo fútil, falta de possibilidade de defesa das vítimas e perigo comum. Com informações do Bocão News.

Compartilhe       

 


TRIBUNA VIRTUAL



 

Notícias Relacionadas