Coluna Boa Terra (Por Valdemir Santana) - Edição do dia 10/1

O marcante charme da nobreza faz a diferença no verão


Tribuna da Bahia, Salvador
10/01/2018 12:30 | Atualizado há 7 dias, 18 horas e 17 minutos

   
Foto: Reprodução

Pelo menos três condessas da nobreza européia, uma delas nascida como princesa, passam o verão no sul do Bahia e mantém a fama dos balneários locais como ponto de encontro singular para o chamado grand monde. A mais surpreendente confirmação na temporada é a da condessa Noemi Marone Cinzano. O sobrenome diz muita coisa. É herdeira da poderosa holding de bebidas que virou sinônimo de brindes requintados em todo o mundo.

A condessa Naomi Cinzano é famosa pela competência empresarial com que dirige a marca de bebidas “Cinzano”. Embora seja italiana, fabrica na Argentina o “Noemia da Patagônia” considerado vinho emblemático do país. Noemi tem casa em Trancoso e, discreta, evitou identificar a origem de suas postagens nas redes sociais durante a temporada. Mas não resistiu em publicar a foto reproduzida acima da amiga Georgina Brandolini junto com o top estilista Paolo Tinarelli no deck de sua enorme piscina.

Justamente Georgina Brandolini é a nobre mais tradicional no veraneio do sul da Bahia. Nasceu no Rio de Janeiro como a princesa franco brasileira Georgina de Faucigny-Lucinge et Coligny. Morou na Europa onde se tornou modelo e musa do estilista Valentino Garavani. E condessa ao casar com Ruy Brandolini D’Adda. Neste Verão Georgina esbanjou estilo e não apareceu numa foto sequer dos paparazzi. 

Já a filha, a condessa parisiense Bianca Brandolini D”Adda, como Boa Terra já mostrou com exclusividade, esbanjou descontração. A coluna publicou foto dela em cima de um coqueiro. Melhor ainda, quando cheia de graça pulou as sete ondas no réveillon usando alta costura assinada pela italiana Luisa Beccaria. 

O nome que fez falta entre os nobres este ano no sul da Bahia foi o do casal de barões formado por Cris Lotaif Nicolay Rothschild e o marido Philippe Nicolay Rothschild. Como a coluna já noticiou os dois venderam a mansão do sul da Bahia e preferem agora ficar nos Hamptons, o condomínio americano onde Madonna Ciccone também tem casa.

Boaventura e Maria Betto confirmados em “Peter Pan”

Apontado pela mídia especializada como o melhor cantor do teatro musical no Brasil, o baiano Daniel Boaventura curte a glória de estrelar o espetáculo mais esperado da temporada de 2018. Ele está confirmado desde o ano passado como protagonista da primeira montagem brasileira do “Peter Pan”, marcado para março no “Teatro Teatro Alfa” de São Paulo. O que tem de novidade é que a cantora e atriz Maria Netto, casada com o ator também está confirmada no elenco.

“Peter Pan” fez história na Broadway, de Nova York, onde estreou nos anos 1950 e venceu três “Tony Awards”, o maior e mais prestigiado premio do teatro nos Estados Unidos. Daniel Boaventura faz o papel do Capitão Gancho. Não esquecer que o musical é dirigido pelo paulista José Possi Neto, profissional que murou a cara do teatro contemporâneo no Brasil quando dirigiu a “Escola de Teatro” da “Universidade Federal da Bahia”. 

Mito da musica atual, Sergio Mendes está no Rio 

Quem está no Brasil e encanta o high soceity do Rio de Janeiro, é o musico carioca Sergio Mendes. Encontrou com a solcialite Narcisa Tamborindeguy ontem à tarde na piscina do Hotel Copacabana Palace e ela correu para registrar nas redes sociais. Serio Mendes mora nos Estados Unidos e virou referencia para a musica brasileira comandando grupos que incendiaram a cena internacional, como o “Brasil 1966”. 

Vale contar que o musico foi um dos três brasileiros a ser recebido para um encontro com o mito Elvis Presley. Os outros foram Leny Ewerson e Cauby Peixoto. A ligação com a Bahia é enorme porque a cultura musical do estado serve de tema para várias produções. Mas o destaque vale pela parceria com o percussionista Carlinhos Brown, na produção da musica “Real in Rio”’ que concorreu como trilha de cinema na 84ª edição do “Premio Oscar”. Mas perdeu.

Tarde descolada no Bar do Amado

A tarde de festa na elegante região de retrofit urbano, da Cidade Baixa, ficou por conta do aniversário do produtor e Publisher Renato Franca. Ele é sócio do também empresário e Publisher Tamyr Mota, na dinâmica agencia de divulgação e assessoria “Total Comunicação”. Os dois receberam o animado Jet set na varanda do “Meu Amado Bar", anexo ao badalado restaurante “Amado” do restaurateur mineiro Edinho Engels. Amigo e cliente fiel da dupla, o empresário Antonio Gatto, referencia no trade de decoração local, estava lá entre os convidados.

Top pichador chega ao balneário e nem barcos escapam

O mais famoso grafiteiro de Belo Horizonte, João Marcelo Ferreira Capelão, o João Goma, se mudou com todos os sprays que tem direito para uma temporada em Itacaré, e nem os barcos do balneário que recebeu o então casal presidencial da França, escapam. Estão mais coloridos que as canoas marajoaras. “Realizando um sonho de verão” contou nas redes sociais, ontem, ao anoitecer.

João Goma foi o pivô da chamada “Guerra ao Pixo" que agitou Belo Horizonte há pouco mais de um ano. Quando a Policia Militar, Policia Civil e agentes do Ministério Público invadiram a casa do rapaz, com mandado de prisão preventiva, a cidade veio abaixo. Segundo os jornais os pichadores ensandecidos cercaram a praça e agitaram freneticamente as latinhas de spray. “Prendam o dono da Samarco”, teriam gritado em coro.

Quanto ao discreto charme de Itacaré, vale dizer que o paraíso dos surfistas, a 400 quilômetros de Salvador, ficou famoso mundialmente com a decisão do casal formado por Carla Bruni e Nicolas Sarközi em passar temporada num dos resorts locais. 

Compartilhe       

 





 

Notícias Relacionadas