Coluna Boa Terra (Por Valdemir Santana) - Edição do dia 12/1

Lavagem começa em palácio, chega à colina e retorna em iates


Tribuna da Bahia, Salvador
12/01/2018 13:26 | Atualizado há 5 dias, 17 horas e 21 minutos

   
Foto: Divulgação

O ponto de partida para a singular homenagem ao Senhor do Bonfim, a secular lavagem da igreja basílica, ontem, aconteceu mais cedo, e mais distante da Colina Sagrada. Começou em Ondina, no palácio residencial dos governadores, com um café da manhã quase no final da madrugada que a primeira dama do estado, Aline Peixoto Costa, e o governador Rui Costa ofereceram a políticos e o grupo de voluntarias social. 

Às 8h da manhã, todo mundo já estava preparado para seguir os seis quilômetros em direção à Igreja de Nossa Senhora da Conceição da Praia, como mostra a foto com a deputada Alice Portugal, a advogada Karla Borges Almeida, a consulesa da Suíça Lila Moraes Kunz e a vereadora Aladilce Souza. Da igreja da Conceição da Praia até a Colina Sagrada, mais oito quilômetros de devoção e alegria, numa participação difícil de ser descrita, envolvendo mais de 1 milhão de pessoas. 

Com tanta festa, imaginar retorno cansativo é porque não conhece o Jet set e o show business em momentos de confraternização. A Baía de Todos os Santos foi o roteiro de volta para lanchas e iates coalhados de gente animada como a stylist Livia Cady, o produtor e fotógrafo Uran Rodrigos e a top blogger Camila Coutinho, Publisher do “Garotas Estúpidas”, o blogger de moda pioneiro no Brasil.

Com saia de seda, baianas dão show de estilo em Trancoso

Por falar em moda na Lavagem do Bonfim, que mantém o dress code de roupa branca pelo menos desde o século XIX quando o arquiduque Maximiliano de Habsburgo-Lorena visitou Salvador e escreveu sobre a festa, vale lembrar que as baianas sempre surpreendem pelo estilo. Como aconteceu ontem, em Trancoso, o balneário mais badalado do sul do estado. 

As baianas de Trancoso cruzaram o icônico Quadrado num séquito que parecia semana de moda. Usavam incríveis jarros prateados sobre a cabeça protegida com um Ojá de rendas; camisolão de puro algodão e deslumbrantes Axós, as saias rodadas, em pura seda. Pareciam assinadas pela “Prada” como se vê na foto.

Coroa do Rei Branco muda para irmão em Santo Amaro

Caetano Veloso foi a Santo Amaro da Purificação, a cidade onde nasceu e que fica a setenta quilômetros de Salvador, para uma transmissão de cargo, no final da semana. Durante décadas, desde o final dos anos 1980, o cantor participou do cortejo “Terno de Reis”, representando o papel de Belchior, o Rei Mago branco, da Pérsia, que levou ouro para saudar o nascimento de Jesus. Mas este ano ele abdicou do cargo e saudou o irmão, artista plástico Rodrigo Viana Teles Velloso como o novo Belchior. 

A curiosidade é que Rodrigo Velloso foi o criador do terno, em 1954. Na mesma festa o musico Moreno Veloso, filho de Caetano abriu o desfile representando o sol. E os netos, Rosa Gadelha Flaksman Veloso e José Gadelha Flaksman Veloso se esbaldaram na folia de reis. 

Alta gastronomia no vôo Salvador Bogotá

O vôo da “Avianca Brasil” que começou a ligação Salvador Bogotá há pouco mais de três meses, tem novidades interessante, além de abrir novas conexões internacionais para a Bahia. É a sutileza do cardápio na classe executiva que passa a ser assinado por ninguém menos que Thomas Troigros. Os gourmets de plantão na cena da alta gastronomia internacional sabe de quem se trata. 

Além de ser filho do mito Claude Troigros que chegou ao Brasil no final dos anos 1970 e mudou a história da comida de luxo no país, Thomas dirige o icônico “Olympe” incluído na lista de cem melhores restaurante do mundo pela revista britânica “The Restaurant”. Sem falar que cria uma cozinha rebelde e cheia de estilo, também no Rio de Janeiro, com o “TT Burger” freqüentado pelo jovem PIB carioca.

Joana choraminga e o marido baiano consola

A modelo espanhola Joana Sanz, que brilha no eixo Paris Madrid Barcelona como estrela de uma descontraída produção de moda praia e roupas de lingerie, apareceu esta semana choramingando por causa do rigoroso inverno europeu. ”Se acabaron los días de verano y las fotos paradisíacas. Hola invierno”. lamentou nas redes sociais. Foi o bastante para receber consolo sem tamanho do marido, o baiano Daniel Alves. “Para mi és verano todo el año. Tengo um sol en Casa!”, garantiu o atleta é que uma das estrelas mais destacadas do bilionário time “Paris Saint-Germain Football Club”, bancado pelo magnata tenista Nasser Al-Ghanim Khelaïfi, do Qatar.

Compartilhe       

 





 

Notícias Relacionadas