Para combater drogas, Trump pede pena de morte para traficantes

A proposta apresentada pelo presidente, inclui ainda medidas para restrigir a venda de remédios derivados do ópio, e custeio de tratamento para dependentes


Tribuna da Bahia, Salvador
20/03/2018 10:31 | Atualizado há 7 horas e 0 minutos

   

O presidente americano Donald Trump anunciou ontem (19), um plano nacional para combater as drogas nos Estados Unidos, para frear sobretudo o consumo de opioides - cujo índices  se tornaram uma epidemia no país, com mais de 60 mil mortes por ano. A proposta apresentada por Trump, durante um evento em New Hampshire, inclui medidas para restrigir a venda de remédios derivados do ópio, custeio de tratamento para dependentes e a ideia de implementar a pena de morte para traficantes.

Trump disse que o projeto do muro na fronteira com o México será parte do plano para "cortar o fluxo de drogas que entram pela vasta fronteira entre os dois países.

Para defender a proposta de pena de morte para traficantes, Trump afirmou que "eles matam mihares de cidadãos a cada ano". E completou: "Por causa disso, o Departamento de Justiça buscará penalidades mais duras do que as que já tivemos", citando ainda como argumento que alguns países já usam penas de morte para o tráfico de drogas. 

Compartilhe       

 





 

Notícias Relacionadas